(Fechar X)
Promoção Produtos Importados Br
 
O Polêmico - Suas ideias nos movem
Login / Cadastro Seta Dupla
Olá, Visitante.
Logar com Facebook
Esqueceu a senha?
Cadastrar
Ícone Enquete O Polêmico quer saber a sua opinião:
Home   

Esportes


           

Ana Paula Oliveira já sofreu preconceito de outros árbitros

  Tamanho da Fonte:
Diminui Tamanho Fonte -    Aumenta Tamanho Fonte+
Imprimir Polêmica Imprimir
Comunicar Erro Comunicar Erro
Ana Paula Oliveira já sofreu preconceito de outros árbitros

O Polêmico entrevistou nesta terça (21/05/14) a ex-bandeirinha Ana Paula de Oliveira. Ela afirmou ser bastante apaixonada por futebol e pela arbitragem, paixão que sempre a motivou a seguir em frente em sua carreira mesmo com o grande preconceito enfrentado por todas as esferas do futebol: jogadores, torcedores, dirigentes e inclusive de colegas de arbitragem.

Além disso, Ana Paula afirmou que não se arrependeu de ter posado nua para a revista Playboy e que a sua beleza tanto ajudou como atrapalhou em sua carreira. A ex-bandeirinha contou os dois momentos que ela considera ser os mais tristes (com relação ao preconceito sofrido) em sua carreria: A sua estréia na série B1 do Paulista e quando recebeu duras ofensas do vice-presidente de futebol do Botafogo em relação ao jogo do Botafogo x Figueirense, em 2007.

Pra finalizar, ela comentou sobre a punição da CBF para a bandeirinha Fernanda Colombo Uliana. Ana Paula também comentou sobre o uso da tecnologia no futebol e sobre o fato de ser a primeira mulher a fazer parte do quadro de funcionários da Enaf (Escola Nacional de Arbitragem de Futebol).


Confira a entrevista na integra:

Você se arrepende de ter posado nua para a revista Playboy?

Não me arrependo. Foi pensado muito. Eu já tinha uma carreira construída. Já tinha conquistado tudo no futebol. Faltava só Copa do Mundo. Meus pais estavam com o estado de saúde bem complicado. Foi uma coisa bem pensada. Não me arrependo não.

 

Ana Paula Oliveirinha atuando como bandeirinha

Ana Paula Oliveira atuando como bandeirinha

 

O fato de ser bonita te ajudou ou atrapalhou em sua carreira na arbitragem?

Tive os dois momentos. Eu vivi um momento que atrapalhou e outro que ajudou. Foram momentos contraditórios. Te ajuda quando você consegue conciliar a beleza com a competência, então isso te impulsiona, te levanta. Mas no início da carreira me atrapalhou muito e depois me ajudou bastante.

 

Muito se comenta sobre o machismo vindo de torcedores, técnicos, jogadores. Dentro da própria arbitragem, o machismo também é presente?

Sim. Eu vivi isso na minha carreira. Eu acho que hoje as mulheres sofrem menos do que na minha época, quando eu começei lá atrás. Acho que o grande objetivo da mulher é ser respeitada e a única forma que eu conheço é sendo competente dentro de campo. Mas não é fácil, pois você já começa sofrendo preconceito dos colegas. Imagina, se o homem vai trabalhar com uma mulher a primeira coisa que ele pergunta é "será que ele vai dar conta do recado? Será que ela consegue lidar com a pressão?". Eles ficam em dúvida sobre o seu trabalho, então você precisa corresponder. Mas hoje, os homens da arbitragem recebem muito bem as mulheres e as apoiam, mas na minha época era diferente. Eu tive que trabalhar muito pra ser respeitada. Eu acredito que a Sílvia, que é de uma geração anterior à minha, tenha sofrido muito mais.

 

Você já foi vítima de preconceito dentro da arbitragem? Pode nos relatar algum acontecimento específico que te aborreceu bastante?

Não vou te dizer que me aborreceu bastante. Um foi no começo da carreira, mas eu não vou citar nomes. Lembro que eu estava super empolgada. Estava fazendo minha estréia na série B1. Se não me engano era um jogo de oitavas. Fui com meu irmão no jogo. Eu estava realmente muito animada, mas quando eu cheguei no vestiário um colega de profissão me disse: "Nossa, eu devo estar muito desqualificado...". Meu irmão ficou preocupado comigo, mas no fundo ele estava muito irritado com esse meu "colega" de profissão. Eu falei que estava calma e pedi pro meu irmão ir pra arquibancada. Depois eu cheguei para todos os colegas de arbitragem e novamente tive minha qualidade como profissional desmerecida. Quem me defendeu foi o delegado da partida, ressaltando que eu vinha crescendo na arbitragem. E aí fomos pro jogo e foi inesquecível. Eu consegui contribuir com o árbitro e tudo ocorreu bem naquela tarde. Esse dia me marcou muito, foi quando eu senti mais vontade ainda de melhorar meu trabalho. Eu era uma menina de 20 anos e ali eu pensei: "preciso estudar muito, trabalhar muito e ter o respeito dos meus colegas, por que se eu não tiver isso não vou chegar a lugar nenhum.".

Outro acontecimento que me chateou bastante, quando eu já tinha consolidado minha carreira, foi as declarações do então vice-presidente de futebol do Botafogo em relação ao jogo do Botafogo x Figueirense, em 2007. Eu entendo que ele poderia ter se pronunciado, reclamar, era direito dele, mas apenas em relação ao que acontece dentro de campo e não criticar a mulher na arbitragem. Ele foi infeliz em suas declarações.

 

Fernanda Colombo é a mulher da vez na arbitragem

Assistente Fernanda Colombo é a mulher da vez na arbitragemOs holofotes desta vez estão virados para a bandeirinha Fernanda Colombo Uliana. Recebemos a informação de que ela foi punida pela CBF. Ela será afastada por 2 rodadas. Porém, a CBF afirmou que não é uma punição pelo erro cometido na partida entre Atlético-MG e Cruzeiro no último domingo. O objetivo da entidade é preservá-la. O que você acha desta decisão?

Na verdade ela foi punida pela soma de erros. Ela não foi bem no jogo entre São Paulo x CRB, depois teve a chance de se superar, mas acabou indo mal denovo no jogo entre Atlético e Cruzeiro. Concordo com a atitude da CBF, que foi feita para preservá-la. Ela provavelmente vai passar por uma reciclagem e terá um acompanhamento para manter sua assertividade em alta. Ela é muito jovem e o seu trabalho tem que continuar. A reciclagem é um processo normal, essa atitude da CBF não foi criada exclusivamente pra ela. Não vi nenhuma atitude "machista" da CBF, já que mesmo com os erros sérios na partida entre São Paulo x CRB ela foi mantida para o clássico entre Atlético x Cruzeiro. E infelizmente ela não teve outro dia e bom e acabou errando novamente.

 

A CBF anunciou você como a nova diretora-secretária da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol (Enaf). Sendo assim, você é a primeira mulher a fazer parte do quadro de funcionários da Enaf. Como você se sente com esta notícia? Qual o seu grande objetivo a ser conquistado nesta nova função?

Confesso que fiquei muito surpresa. Não esperava mesmo. Fiquei muito feliz. Todo mundo sabe que eu sou muito apaixonada pela arbitragem, pelo futebol. E quando alguém ama o que faz, isso faz toda a diferença. Já existe um trabalho sendo feito e eu só quero contribuir com ele. Eu acredito na educação. Eu acredito que uma boa formação contribui muito mais para uma boa arbitragem e assim que diminuem os erros, os equívocos. Estou super feliz, pois é algo que sou muito apaixonada.

 

Você é a favor do uso da tecnologia na arbitragem?

A tecnologia é sempre bem vinda, desde que o arbitro esteja alinhado com a tecnologia. Não adianta ter um grande aparato de tecnologia se o arbítro não consegue interagir com ele. Toda tecnologia que vem pra diminuir os equívocos são bem vindas, como o sistema de gol que vai ser usado na Copa. Hoje em dia, muito se questiona os assistentes adicionais, que ficam atrás da linha de fundo. Acredito que o sistema de detecção de gol, que será usado na copa é bem mais confiável.

Criador: Equipe O Polêmico

Assuntos
Vídeo: Desafio entre MMA e mestre chines de Kung fu
Vídeo: Desafio entre MMA e mestre chines de Kung fu
Árbitro desmente Federação sobre o Atletiba
Árbitro desmente Federação sobre o Atletiba
Torcidas de Flamengo e Botafogo brigam antes de clássico
Torcidas de Flamengo e Botafogo brigam antes de clássico
Divulgada CAIXA PRETA da Lamia no acidente da Chapecoense
Divulgada CAIXA PRETA da Lamia no acidente da Chapecoense
Os comentários não representam a opinião do Site. A responsabilidade é do autor do comentário.



Procurando Roupas Femininas Importadas?
Produtos Importados com os menores preços e entrega para todo Brasil!


Produtos Importados com os menores Preços e Entrega para todo Brasil
Mais Procurados Assuntos mais Pesquisados no Momento
Ícone Parceiros Parceiros do Polêmico
Climatologia Geográfica | Descubra mais da ciência, paisagens incríveis e muito mais.      Ciências e Tecnologias | Artigos e Noticias de Ciências e Tecnologia      Jornal Eletrônico - Gente de Opinião

Portal SOS Notícias do RN      SAJ Notícias      Fotografe Livre  - Tudo sobre fotografia, até dicas!      cearensizando

W3 Directory - the World Wide Web Directory      AhTrollei - Cuidado você pode estar sendo trollado!: Parceria      Infotec Blog - Tecnologia em primeira mão!          

RGN no Ar | Rio Grande do Norte                S1 Notícias      Debates Culturais - Liberdade de Idéias e Opinioes!

Você já pensou em deixar uma carta ou mensagem após a morte? Conheça nosso testamento online.
Polêmico       Polêmicas       Notícias       Debates       Discussões Noticias

aids       desigualdade social       meninos e meninas       pena de morte       jesus comunista      
 
© opolemico.com.br, Todos Direitos Reservados  -  Melhor visualizado na resolução: 1024 x 768 px.  -  Política de Privacidade
Contato Contato