(Fechar X)
Promoção Produtos Importados Br
 
O Polêmico - Suas ideias nos movem
Login / Cadastro Seta Dupla
Olá, Visitante.
Logar com Facebook
Esqueceu a senha?
Cadastrar
Ícone Enquete O Polêmico quer saber a sua opinião:
Home   

Sociedade


           

Mãe e advogada são indiciadas por suposta venda de bebê

  Tamanho da Fonte:
Diminui Tamanho Fonte -    Aumenta Tamanho Fonte+
Imprimir Polêmica Imprimir
Comunicar Erro Comunicar Erro
Mãe e advogada são indiciadas por suposta venda de bebê

Veja vídeo no final da matéria.

A Polícia Civil concluiu o inquérito que investigou a mãe que doou irregularmente a filha recém-nascida para um casal do Rio de Janeiro. Das cinco pessoas envolvidas, apenas duas foram indiciadas. O caso ocorreu em fevereiro de 2015, em Lavras, no sul de Minas.

A mãe biológica da criança, Márcia Regina Alves Damasceno, de 41 anos, e a advogada, Luciana Maria de Sousa Furtado, de 42, contratada para forjar o documento de adoção, vão responder pelo crime. Já a médica, Vera Lúcia Cavalcante Belo, que fez o parto da bebê e intermediou o contato entre a mãe biológica e o casal interessado na adoção, responderá apenas civilmente pelo caso.

A advogada segue atuando na região como se nada tivesse acontecido e o registro na OAB continua válido. Nossa equipe tentou contato com a OAB mas não obteve retorno.

Em depoimento à polícia, Vera Lúcia confirmou o parentesco com o casal Ricardo Fajardo Rezende, de 36 anos, e Débora Fajardo Rezende, de 41. Na época, eles moravam no Rio de Janeiro e foram pessoalmente à Lavras buscar a recém-nascida. Os dois chegaram a postar várias fotos da criança em uma rede social. Segundo o delegado responsável pelo caso, Jaison Stangherlin, a informação de que eles teriam pago uma quantia de R$2.800 para a mãe da biológica foi descartada pela polícia.

— Como não foi compravado que eles pagaram um valor pela criança, não caracterizou-se crime. Portanto, eles não foram indiciados.

O caso foi descoberto em fevereiro deste ano quando Débora levou a bebê até um posto de saúde de Lavras para fazer o teste do pezinho. Uma atendente desconfiou porque a mulher apresentou o próprio documento e o cartão de vacinação da bebê, onde consta o nome da mãe biológica. O fato então foi passado para o Conselho Tutelar da cidade, que acionou a polícia.

Em seguida, a criança foi levada para um abrigo municipal de Lavras. A adoção da bebê segue a fila do cadastro nacional de pais estabelecida pela Justiça. Caso os indiciados sejam condenados, a pena pelos crimes cometidos varia de um a 10 anos de prisão. Entretanto, as duas foram indiciadas no primeiro semestre de 2015 e até a publicação dessa matéria (08/02/2017), seguem livres.


Criador: Equipe O Polêmico

Assuntos
Leandro Karnal critica alunos da festa
Leandro Karnal critica alunos da festa "SE NADA DER CERTO"
[videos] ’Bruno tem de estar preparado para pressão’
[videos] ’Bruno tem de estar preparado para pressão’
"Suportei 7 Fazendas para pagar as contas", diz Britto Jr.
[Vídeo] Homem usa drone pra flagrar traição da esposa
[Vídeo] Homem usa drone pra flagrar traição da esposa
Os comentários não representam a opinião do Site. A responsabilidade é do autor do comentário.



Procurando Roupas Femininas Importadas?
Produtos Importados com os menores preços e entrega para todo Brasil!


Produtos Importados com os menores Preços e Entrega para todo Brasil
Mais Procurados Assuntos mais Pesquisados no Momento
Ícone Parceiros Parceiros do Polêmico
Climatologia Geográfica | Descubra mais da ciência, paisagens incríveis e muito mais.      Ciências e Tecnologias | Artigos e Noticias de Ciências e Tecnologia      Jornal Eletrônico - Gente de Opinião

Portal SOS Notícias do RN      SAJ Notícias      Fotografe Livre  - Tudo sobre fotografia, até dicas!      cearensizando

W3 Directory - the World Wide Web Directory      AhTrollei - Cuidado você pode estar sendo trollado!: Parceria      Infotec Blog - Tecnologia em primeira mão!          

RGN no Ar | Rio Grande do Norte                S1 Notícias      Debates Culturais - Liberdade de Idéias e Opinioes!

Você já pensou em deixar uma carta ou mensagem após a morte? Conheça nosso testamento online.
Polêmico       Polêmicas       Notícias       Debates       Discussões Noticias

aids       desigualdade social       meninos e meninas       pena de morte       jesus comunista      
 
© opolemico.com.br, Todos Direitos Reservados  -  Melhor visualizado na resolução: 1024 x 768 px.  -  Política de Privacidade
Contato Contato